segunda-feira, 4 de junho de 2012

Bom Português

Bem sei que na nostalgia e na tristeza em que o País se encontra, ver partir os seus jogadores para o Euro 2012 é tão glorioso como ver partir soldados para a guerra, em defesa dos interesses nacionais.
Correndo o risco de ser apedrejada em praça pública, confesso que não sou amante de futebol, nem vibro especialmente com os grandes jogos, nem mesmo com os da Selecção Nacional.
Contudo, não sou feita de pedra, e já me comovi com o Hino Nacional que antecede os jogos, e também já senti muitas vezes a emoção de ter nascido portuguesa nalguns desses momentos, mesmo que nem sempre associe esse orgulho nacional à história recente do País, mas esse é um pormenor.
De qualquer forma, é com agrado genuíno que vejo o Sr. Presidente da República receber os jogadores que {melhor ou pior} irão "salvar" o País deste marasmo, durante uns dias.
E com desagrado que ouço o nosso Cristiano Ronaldo referir-se ao Chefe de Estado, dizendo qualquer coisa do género: "(...)convidamos para você ir a um jogo...tar presente  num dos nossos jogos do Europeu (...)".
Porque, às vezes, não basta jogar bom futebol, Cristiano.
Há que fazer um esforço para aprender a falar em bom português.


MM

3 comentários:

Maria disse...

Nem sei se se trata de falar em bom Português se saber as regras minimas ..de respeito para com o outro sabendo que não se trata de um colega da escola. Mas enfim vamos desculpar o Cristiano há coisas que não se aprendem jogando futebol que é o que melhor sabe fazer.

Flor Guerreira disse...

Não se pode saber tudo!!!

MM disse...

Também concordo que não se pode saber tudo, mas o mínimo...:)

Um beijinho