segunda-feira, 23 de janeiro de 2017

Sim ou não?...


[não tenho esta cara nem esta idade. Mas tenho lata]

18 comentários:

Telma Duarte disse...

Go girl. Adoro essa força de viver. Essa irreverência.

Carolina Melo disse...

Adoro! Mas com a sua cor!
E esse sorriso cheio de brilho, o Rui casa mais umas quantas vezes. 😘

Alexandra Dinis disse...

A Marta tem personalidade para este corte.
Força!
Beijinhos

Sofia Marques disse...

Sim, sem dúvida que sim! Acho que lhe vai fica muito bem :-)

Martolas disse...

Acho que não...

Anónimo disse...

não.... por favor!
Maria

Magda disse...

Deu-me uma dessas no verão passado. Tinha o cabelo gigante e cortei assim! Muito curtinho

Adorei, senti-me livre, ouvi muitas opiniões contra, que me deram ainda mais vontade de me libertar.

Tenho 3 filhos pequenos e o cabelão estava a oprimir-me.

Acho que lhe vai ficar muito bem, até porque o seu já é bastante curto!

Tem a a cara e a pinta para o fazer :)

Isabel Patrício disse...

Porque não ?!

Anónimo disse...

Força Marta e depois mostre o resultado.
Filomena Cardoso

Su disse...

Sou fã de cabelos curtos!! A resposta só pode ser SIIIMM!

Su disse...

Siiimmmm! E se não ficar bem ou não gostar....o cabelo cresce num instante!!

Anónimo disse...

Que disparate de comentários "não por favor"!!!! Gente é so cabelo, e caso não tenham percebido....cresce!!!!

Sofia Barbosa disse...

Simmmm

Anónimo disse...

na...não me parece, isto se quiseres dar ouvidos a uma visão masculina da coisa: é muito sapatona style...

A Mocha disse...

E porque não? o cabelo cresce num instante! :) arrependa-se do que fez, nao do que não fez ;)

Anónimo disse...

Já que perguntou, se me permite dar a minha opinião, diria que não... Tão curto acho que não... mas a Marta é que sabe :) como diz uma leitora num comentário acima, é só cabelo e ele volta a crescer... corte, se não gostar, o cabelo cresce de novo! :) parabéns pelo blogue... gosto muito de a ler!
Mariana

Andreia disse...

Quem corta assim é uma mulher muita segura de si! É preciso coragem!Mas não olhe ora trás! Queri ver o resultado! :-)

Lucilia Figueiras disse...

Porque não? Se é isso que pretende força, é sempre bom mudar e se não gostar o cabelo volta a crescer