quinta-feira, 13 de outubro de 2016

Nós por cá...



Depois deste post sobre a Plagiocefalia do Vicente e da imensidão de emails e comentários que me enviaram {e que agradeço do fundo do coração!}, não seria justo não ir dando conta do andamento deste nosso desafio.
Recebemos muitas sugestões sobre tratamentos alternativos ao que temos em cima da mesa (Osteopatia, Fisioterapia, entre outros), mas vamos optar pela colocação do capacete, considerando a situação em concreto do Vicente e o facto de acreditarmos piamente que está em boas mãos. Naturalmente, que cada caso é um caso, e que poderá haver mais do que um caminho para chegarmos ao mesmo destino, mas como em tudo na vida, há que fazer escolhas com os dados que temos, e fizemos esta. Acredito que vai ser acertada.
Se tudo correr conforme o previsto, o nosso bebé vai ter o seu novo "acessório" a partir do dia 25 de Outubro e até lá, temos de nos fortalecer para o que aí vem, porque teremos todos que aprender a lidar com esta nova circunstância.
A parte boa é que esta é uma situação reversível e que estamos rodeados de família e de amigos que nos apoiam incondicionalmente, e que nos fazem sentir que não estamos sozinhos. Não dizem que é preciso uma vila inteira para criar uma criança? É mais ou menos isso; essa rede que nos ampara nos desequilíbrios e nas quedas.

[obrigada pelo carinho; a rede também é feita de malta que está desse lado❤️]

11 comentários:

Rita disse...

Que bebe delicioso, parabéns Marta e Rui, o vosso filho fruto do vosso amor só podia ser lindo, com um olhar doce!
Claro que vai correr bem, só há um sentido! :*

Ana disse...

Claro que vai tudo correr bem!!!!bjinhos

Isa disse...

Força! O Vicente vai-se adaptar e rapidamente resolvem essa situação!

Ana Raquel disse...

Força, é lindo o Vicente!

Teremos o nosso Vicente em breve!

Anónimo disse...

Q riquinho!...
Desejo coração forte e cabeça fria, que tudo ira correr bem!
Beijinho
Ana

joana disse...

Olá, só hoje cheguei aqui e quando li esta palavra parei logo.
O meu filho mais novo também teve/tem plagiocefalia derivada de um torcicolo congénito. Fizemos 70 (!) sessões de fisioterapia, dezenas de consultas de ortopedia, medicina física e reabilitação, neurocirurgia e osteopatia (Dr. Gabarel rules!!!).
Falou-se apenas uma vez do capacete para logo o neurocirurgião e a ortopedista desviarem o assunto para canto: a eficácia demonstrada era mínima, estamos a falar de milímetros... Dúvidas e mais dúvidas e mantivemos o nosso calendário: fisioterapia e osteopatia e muitos exercícios em casa.
Hoje, com 21 meses, temos uma ligeira assimetria que só eu e os médicos conseguem identificar, ok! e quando toma banho e o cabelo fica colado à cabeça. Temos alta de todos os médicos e conseguimos corrigir a assimetria da testa e orelhas.
Foi longo e extenuante o caminho mas estamos satisfeitos com as nossas decisões.
Boa sorte para o Vicente e viva os miúdos e os pais que os acompanham.

Maria João Luz disse...

Olá! Só queria dizer-lhe que o meu filho também teve plagiocefalia e fez dezenas de consultas de osteopatia, mas o que efectivamente resultou e comecámos logo a notar diferença foi a colocação do capacete durante as tais 23 horas por dia! Não desista, vai ver os resultados. O filho de uma amiga minha, que vive em Espanha, também teve o mesmo problema e lá colocam logo o capacete...é mais do que habitual, só cá em Portugal é que continua a parecer estranho. Mas vai correr tudo bem e o Vicente até vai ter sorte, pois colocará o capacete sobretudo no tempo frio, o que facilita muito (no verão, eles sofrem mais com o calor). Hoje o meu filho tem 3 anos, tem a cabeça perfeita e eu já nem lembro do que passámos. Ânimo!!

VP disse...

Ola... O meu bebé tb tem plagiocefalia e o médico aconselhou o uso do capacete...ele não tem assimetrias faciais,só mm o achatamento,da posição. Achei engraçado porque o meu M tb nasceu no mm dia k o teu V ;) Gostaria,se possivel, k me indicasse a clínica onde o colocaste...temos pesquisado e existem várias em Portugal... Lá para dezembro o meu pequenote já deve ter o seu novo acessório. Tudo de bom e continua c essa força

Dolce Far Niente disse...

Olá VP, o nosso bebé está a ser acompanhado no Hospital Lusíadas. A médica é excelente e tem muita experiência nesta área. É Neurocirurgiã e chama-se Ana Paula Rodeia.
Um beijinho e que corra tudo bem :)

VP disse...

Obrigada... E onde mandaram fazer o capacete? Esse é outro problema... Tantos sítios... Daki a uns meses os nossos pequenotes vão estar lindos ;)

Dolce Far Niente disse...

VP, é através da médica. Não temos que procurar. Marque consulta e ela explica todo o processo.