sábado, 16 de setembro de 2017

Bora ser felizes?


Entrei numa nova fase. Já ninguém me pergunta porque é que não pinto o cabelo, nem faz comentários desagradáveis a respeito. Os únicos que recebo são positivos e quem não gosta inibe-se de comentar o que quer que seja. Eu agradeço. Também não desato a distribuir opiniões gratuitas sobre a senhora gorda, magra, às bolinhas brancas, baixa, alta... Esta ideia de que, em nome da "verdade" podemos dizer tudo, é a maior mentira que contamos aos outros e a nós próprios. Nem tudo se diz; menos ainda quando é desagradável e não acrescenta.
Isto para dizer a quem está a passar pela fase chata da "transição", que os outros pensam coisas (nós também). E então? Quem muitas vezes nos diz que estamos mais velhas ou que vamos ficar envelhecidas de cabelo branco, também tem pés de galinha, uma verruga no queixo, um olho torto, uma camisola de uma cor que não gostamos. Mas isso não nos dá o direito de desatar a opinar, ou dará?
A vida dos outros interessa-nos na justa medida em que estamos interessados na nossa; se ela nos "alimenta", se nos preenche, se nos sacia, não precisamos de viver a dos outros. Mas se, ao contrário, ela nos desilude, os outros, as suas decisões, as suas alegrias, podem passar a ser o centro do universo. E é uma pena.
Bora ser felizes?...

[post publicado no grupo de facebook Mulheres de Prata]

6 comentários:

Anónimo disse...

Eu ja nao concordo. Acredito que em nome da verdade nao so podemos como devemos dizer tudo (nao estou a me referirespecificamente ao visual de alguem, amigo, familiar, o que for, ate porque e coisa que sequer me interessa), porem desde que o saibamos fazer, nao pode ser de qualquer jeito, com grosseria ou ofensas. Quanto ao cabelo faz o que te apetecer. O que os outros pensam nao interessa, o cabelo e teu a decisao e tua.

A Vida a Três disse...

Concordo plenamente... a não ser que seja pedida a nossa opinião, caso não o seja, também considero desnecessários comentários desagradáveis e que nada acrescentam... cada um sabe de si, da sua vida!

Bjinhos <3

Anónimo disse...

Minha linda,

vais ter joanetes e verrugas com pelo no queixo, ahahahahahahah.


Lena

Isa disse...

A cor q a Marta usava era a sua cor, ficava-lhe mesmo mt bem, e eh pena pq sendo uma mulher tao bonita n a favorece esta sua nova opcao que so a si diz respeito. Contudo ter um blog publico eh tb ler comentarios ou bloqueiam=se os comentarios.

Marlene disse...

Querida Marta,

Sempre me lembro - desde tenra idade - de não tecer determinados comentários acerca de outros, precisamente porque nada acrescenta e na verdade só servirão para magoar.

Tenho a sua idade - mais ano menos ano - e continuo a ter a mesma opinião.

Temos que ser fiéis às nossas verdades!

Se em vez de tecermos uma crítica, apenas porque é verdade, dermos um abraço e um elogio (verdadeiro, atenção!!!) a alguém, decerto tornaremos o dia desse alguém bem melhor!

Beijinho


Manuela Laranjeira disse...

A Isa é que decide qual é a cor da Marta e não a própria Marta? Por favor!