sábado, 5 de julho de 2014

Foi bonita a festa, pá!


Os 40 anos estrearam-se numa festa entre amigos, como só fazia sentido. Aqueles que chegaram mais recentemente e que entraram coração adentro como uma flecha, e os que permaneceram sempre, no matter what.
O bolo foi o mais bonito do mundo, O Bolo Feio.

Perguntaram-me ontem quando é que volto a fazer quarenta. Respondo que uma festa destas é como o Natal: quando o homem quiser.

[adoro-vos]


1 comentário:

Cláudia M disse...

Parabéns atrasados ;) descobri o seu Blogue Hoje e gostei :) Tem uma familia muito bonita*

http://lifeloveandphotograph.blogspot.pt/