terça-feira, 5 de novembro de 2013

Desabafo

Chego às dez da noite de um dia de semana e sinto-me mais amarfanhada que uma esfregona velha. E tenho ajudas. Muitas ajudas.
Mando daqui um abraço do tamanho do mundo a todas as mulheres que não têm um homem que as respeite e que partilhe tarefas, nem uma família de suporte que ajude a carregar alguns pesos e que lhes dê colo quando é preciso. Que nós, Mães, precisamos tanto de colo...

3 comentários:

OutraMaria disse...

eu ando a precisar de muitoooooooo colo... sou das maes que pouco ou nenhuma ajuda tenho... ou melhor sujar e desarrumar tenho quem me ajude, o resto nepias. beijo e mt força

Uma Dona Mãe Babada disse...

não escrevi eu este desabado mas podia ter sido. tenho muita ajuda e mesmo assim às vezes dou em doida. não sei o que seria de mim se não fosse assim, penso muito nas pessoas que não têm a minha sorte.

Gisela FFale disse...

obrigada pelo abraço Marta, sim, é necessário e sabe bem...eu não tenho ajudas nenhumas...as que eventualmente me poderiam ajudar, vivem longe... e até ser Mãe solteira (e sózinha), não fazia a menor ideia do que era possível aguentar...
beijinho para si:)