domingo, 12 de fevereiro de 2012

Peças de Lego

Passei grande parte do Domingo a trazer "pertences" do meu homem para casa.
Para aquela que é, agora, a nossa casa.
Tem sido um exercício demorado, porque há decisões na vida que não se apressam. Desfrutam-se com toda a calma do mundo. Saboreiam-se.
Mas o que me tem surpreendido a cada dia que trazemos umas coisinhas mais, é a constatação de que tudo encaixa como peças de lego.
Os móveis têm o tamanho e o estilo certos.
Os bibelots enquadram na perfeição, em cor e em dimensão.
Os quadros estavam à espera de ser pendurados nestas paredes.
Como se tudo o que tivessemos escolhido nas nossas outras vidas, estivesse destinado a coexistir nesta.
Será uma mera coincidência, mas gosto dela.
E gosto da ideia romântica de que quando caminhamos no rumo certo, tudo conflui na mesma direcção.
E tudo encaixa, como peças de lego.

MM

3 comentários:

Sairaf disse...

Dás-me esperança, que um dia as minhas peças se encaixem:)
adoro o blog:)
abraço

MM disse...

Acredito que há sempre uma peça que encaixa na nossa.
Um grande beijinho.

Juvenália disse...

A tua avó, para quem os legos eram objectos estranhos, diria que "há sempre um testo para cada panela"...!