quarta-feira, 10 de julho de 2013

Das minhas fraquezas

Estou a meio de umas férias maravilhosas com os quatro amores da minha vida. 
Estão para cima de 30º graus, a água do mar tem estado perto disso, não há nenhum outro sítio onde preferisse estar. E no entanto, acabei de comer um pacote de bolachas Oreo inteiro. Inteirinho. Sem direito a qualquer partilha, que nem informei os meus filhos que o tinha cá em casa.
Se ao menos tivesse tirado partido do abuso era agora uma mulher feliz. Como há dois dias atrás, quando partilhámos com uns amigos umas gambas à guilho, pimentos padrón e dois jarros de sangria caseira. Não me importei, porque o pecado da gula partilhado tem outro sabor, convenhamos. Engordamos uns quilos, mas sabemos que valeu a pena o pecadilho. 
Mas esta enfartamento de bolachas nem para isso deu. Estou a torcer-me de remorsos, sinto-me automaticamente mais anafada do que antes da proeza, e só me apetece voltar o tempo atrás e parar depois do salmão e dos bróculos cozidos. Sensivelmente há cerca de uma hora.
Começa a ser tempo de retomar o rumo, antes que não me reconheça mais, perdida de mim num espelho qualquer. E não, não quero voltar a ter 20 anos. Quero apenas acenar sem parecer gelatina e sorrir sem preocupações com o duplo queixo. Acho que é isto.

MM


5 comentários:

Lili disse...


:-)

Martaaaaaaaaaaaaaaaa.....
E um pacote de Oreos. So what????
...Saboreie

E sim os bróculos vão voltar...depois...porque, por agora :
Relaxe!! Let yourself go!!!! Enjoy!!!

Não se "perca" em existencialismos. A sua energia é tão contagiante. :-)

Vá. Vá dar um mergulho que isso passa! :-):-):-)
bjinho

Manjerica disse...

Marta, como eu te entendo!!! É que há "pecados" que valem a pena, mas outros são mesmo pura gula... Eu já nem compro bolachas (chocolates, gelados e outros que tais) porque (pode parecer estranho) os pacotes na despensa chamam por mim!! E dps não me resta outra hipótese que não seja atacá-los para deixarem de me atormentar... :)
ooohh triste sina a nossa! ;)





Manjerica disse...

ainda em relação às "tuas fraquezas", a partilha ajudou-me a pôr a mão na consciência... (espreita aqui e verás que a minha gula, sim, é verdadeiramente pecaminosa!!http://terramotosdoladoesquerdodopeito.blogspot.com)

ohhh god, é tão fácil pôr o pé (os dois, e as pernas e os braços e corpo todo) na argola! :)

aah, mais uma coisa, os pecados das férias não contam! ;)

beijinhos

Mafalda disse...

como te compreendo! sinto-me igual! :-P

Gremelinica disse...

oh, como eu te compreendo... Já não me sinto tão sozinha....