quarta-feira, 7 de novembro de 2012

Uma inspiração Limetree

 
 
Vi esta fotografia aqui e não consegui ficar-lhe indiferente.
Pelo vazio e pela tristeza que me deixa.
E por saber que apesar dos milhares de crianças amadas por esse mundo fora, tantas há que nunca tiveram um colo, uma palavra sussurada, um aconchego, um afago, um beijo,uma fatia de bolo, um sorriso, um abraço, uma gargalhada, um segredo partilhado, um olhar, um copo de leite quente.
Crianças que nunca tiveram ninguém que lhes amparasse as quedas e que lhes impulsionasse o voo.
 
 
MM
 


3 comentários:

vidasdanossavida disse...

E isso é tão triste, custa tanto, dói na alma...

OutraMaria disse...

o meu sonho de vida é acolher crianças como estas... podia-me sair o euromilhoes... ia fazer tanta criança feliz, depois so iria precisar de mães disponiveis para dar braços e colos, pois eu só tenho 2... beijinho e espero que a dor de cabeça tenha passado, eu tb ando assim... acho que é deste tempo.

Dolce Far Niente disse...

Obrigada, Maria! Já estou melhor. Um beijinho grande e continua assim. :=)