quinta-feira, 29 de março de 2012

A queda do mito

Querida P.,
Li o seu comentário ao post "A minha Mãe", e não imagina o que me ri com gosto!
Porque a minha vida (eu, o meu homem, a minha cozinha e a minha mãe), está longe de ser perfeita.
Somos todos lindos. Mas com centenas de defeitos.
Senão vejamos:
Eu não gosto de ser contrariada e sou uma ruiva falsa.
O meu homem gosta de arroz com queijo e diz barbaridades no meio do trânsito.
A minha mãe janta bróculos todos os dias e ainda acha que pode mudar o mundo.
A minha cozinha tem os rodapés roídos pelo cão que já não temos {e algumas cadeiras, já agora...}.

Uma família normal, afinal.
Aposto que tem os rodapés intactos...

Um grande beijinho, e vá aparecendo para descobrir a queda do mito. :)

MM

3 comentários:

Patrícia Teodoro disse...

Não há mito nenhum porque são pessoas normais com vidas normais...e têm a sorte de ter umas coisas bem boas. beijos nossos

MM disse...

É isso mesmo. :)

Beijinhos

Anónimo disse...
Este comentário foi removido por um administrador do blogue.