terça-feira, 3 de março de 2015

Vómito matinal

Fui educada a dizer bom dia e boa tarde. A esboçar um sorriso quando estou ao pé de alguém conhecido, a pedir desculpa e a dizer com licença. Raramente baixo ou viro o olhar quando passo por quem vejo todos os dias, porque prefiro sorrir e que me sorriam. Opto por pecar por excesso, do que por defeito. É uma opção como outra qualquer.
Tenho quinhentos mil defeitos, quinhentos mil mesmo, mas sou educada e gosto que sejam comigo. Não peço simpatia, empatia, sequer conversa. Deus e o meu marido sabem como, de manhã, só desejo que não me dirijam a palavra antes da minha torrada e do meu abatanado cheio. Mas ainda assim, esforço-me por  não ser desagradável, porque ninguém tem culpa do meu mau humor matinal, das minhas noites mal dormidas, das minhas neuras e das minhas preocupações.
Hoje, espero que numa infeliz coincidência, passei por três pessoas a quem disse bom dia, e que nada disseram. Nada, zero. Metidas na sua vida, talvez, pouco habituadas a ter quem lhes diga bom dia, talvez, azeitadas, talvez. Simplesmente, não quero saber. Bati contra três portas fechadas seguidas, e dei comigo a pensar como sou parva por tentar ser cortês.
E depois, quando a fúria se desvanece, concluo que a boa educação não ocupa lugar. E que sou infinitamente mais feliz se continuar a sorrir, do que se me render ao cinzentismo que anda para aí, e que intoxica.

[bom dia a todos]



8 comentários:

Madá disse...

Bom dia!!!

:-)

Anónimo disse...

Bom dia!!! eu costumo dizer que sou alérgica a pessoas mal educadas e de mal com a vida....

Beijo

Vida

Lipa disse...

Bom dia :)

É tão bom cumprimentarmos quem passa por nós.
Todas as manhãs vou a pé para o trabalho e vejo sempre as mesmas caras... Por questão de educação visto os olhares se cruzarem, digo bom dia o qual me é retribuído, curiosamente só por pessoas mais velhas, que estão a fazer a sua caminhada matinal.
Enfim... pelos vistos educação começa a ocupar "espaço" e como tal muitas pessoas começam a prescindir dela.

Isa disse...

E é tão melhor ser a pessoa que sorri e diz bom dia que aquela que fecha a porta... :)

Miss Smile disse...

Acho que devemos continuar a dizer "bom dia" às pessoas afetadas pelo cinzentimo, porque elas, de facto, precisam ;)

Isabel Patrício disse...

Bom dia ! e quando não seguram a porta ?

Carina Jesus disse...

Bom dia,
Não costumo comentar, mas desta vez tem de ser. E deixar uma criança na Jardim de infância, dizer bom dia aos outros pais e eles fazerem de conta que ninguém falou! Pergunto-me que tipo de educação se está a dar ao filhos, se nem um bom dia ou boa tarde as pessoas conseguem dizer.
Carina

Anónimo disse...

Bom dia:

Eu até digo "bom dia", "boa tarde" ao condutor do autocarro quando entro.
Eu vivi toda a minha vida numa grande aldeia do Alto Minho e conhecia quase toda a gente e toda a gente se cumprimentava....até cumprimentava os condutores do autocarro e eles às pessoas porque as conheciam de as ver todos os dias!!!!
Venho viver para um lugar de Carcavelos e faz-me confusão algumas pessoas não cumprimentarem os condutores dos autocarros....Eu até cumprimento as pessoas nas paragens, nos elevadores.....Porque fui assim habituada/educada....
Quando fui dar aulas para os Açores e, anos mais tarde, para a Madeira, os condutores dos autocarros ficavam a olhar para mim quando os cumprimentava. Não deviam estar habituados....