quinta-feira, 12 de julho de 2012

Finalmente...

À semelhança de anos passados, voltámos à praia por volta das 6 da tarde, e só saimos às 8 da noite.
O vento corria forte mas quente, e apanhámos a praia quase deserta, com aquela luz típica dos finais de tarde de Verão.
Os miúdos corriam entre a areia e a água com a liberdade estampada no rosto. Sem horas, nem preocupações de nenhuma espécie.
O silêncio era somente interrompido pelo sopro do vento e pelo canto das gaivotas, que acabaram por aterrar na areia e parar por alguns instantes.
Tudo estava exactamente igual aos anos passados.
A areia em alvoroço com o vento.
A água azul turquesa.
A praia quase deserta.
As gaivotas em terra sem tempestade no mar.
Tudo estava exactamente igual aos anos passados, menos eu.
A agarrar a felicidade com a palma da mão.
Finalmente.

MM

4 comentários:

Soraia disse...

Olá Marta,

soube tão bem ler este seu post, lembrou-me das minhas férias em família há muitos, muitos anos atrás. Tenho alguma inveja por não poder ter férias este verão mas em 2013 a praia poderá contar com a minha presença.

Desejo a continuação de umas óptimas férias.

Beijinhos,
Soraia

MM disse...

Obrigada, Soraia! :=)
Espero que volte a ter essas férias em família mto rapidamente!

Um grande beijinho

Helena Barreta disse...

Mais do que de manhã, adoro a praia ao final do dia. O ano passado o vento não me deixou fazer praia à tarde, vamos ver se o deixa este ano.

Continuação de bons dias de liberdade.

Um beijinho

MM disse...

As tardes t~em estado ventosas, mas é um vento mto quente! Ontem estava magnífico! :=)
Beijinhos grandes, Helena!